NOTÍCIAS

Influenciador é preso com dinheiro falso em Bezerros

O dinheiro falso foi encontrado com os suspeitos Divulgação/PF

A Polícia Federal (PF), em conjunto com agentes da Polícia Militar, autuaram em flagrante, na última terça-feira (18), três pessoas que circulavam com dinheiro falso em Bezerros, no interior do estado. Uma mulher e dois homens foram interceptados, e os policiais encontraram com eles mais de R$ 4.750 em notas falsas.

Policiais da 3ª Companhia do 4º Batalhão da Polícia Militar (BPM) receberam informações que uma mulher estava tentando trocar uma cédula de R$ 50 em um estabelecimento comercial no centro de Bezerros. Os agentes localizaram um veículo onde estava a mulher acompanhada dos dois homens. Na revista encontraram com um deles 95 notas falsas de R$ 50, além de R$ 165 possivelmente verdadeiros. Também foram apreendidos dois aparelhos celulares.

Segundo a PF, a mulher é costureira, tem 20 anos e não possui antecedentes criminais. Um dos homens, de 21 anos, é servente de pedreiro e tem passagem pela Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) por mais de dois anos por ato infrancional análogo a roubo. O terceiro suspeito, de 20 anos, é autônomo, realizando serviços de instalação de internet em residências, além de ser influenciador digital. No Instagram, sua página possuía 250 mil seguidores antes de ser desativada, e no Youtube ele conta com 1,26 milhão de inscritos no seu canal. Os três residem atualmente em Caruaru, no Agreste pernambucano.

Segundo apurou o LeiaJá, o influenciador tinha uma página com sua ex-companheira, com quem tem uma filha de 4 anos. Os conteúdos publicados eram voltados para relacionamentos e vida de casal. Eles se separaram há cerca de 3 anos. A ex-companheira chegou a declarar que vivia um relacionamento abusivo.

Durante o interrogatório, o influenciador explicou que teve acesso ao dinheiro falso por meio de trocas de mensagens no Telegram. Ele recebeu as notas pelos Correios, tendo pagado o valor de R$ 1 mil para receber o equivalente a R$ 5 mil. Com receio de fazer o repasse do dinheiro sozinho, ele chamou os outros dois suspeitos, um casal de amigos, para ajudar, e prometeu pagar R$ 1,2 mil em troca. Ele ainda justificou que cometeu o crime para pagar a pensão da filha e ajudar no aniversário dela. 

A PF informou ainda que os presos passaram por audiência de custódia. O influenciador teve a prisão preventiva decretada por ter adquirido as cédulas, e foi encaminhado para a Penitenciária Juiz Plácido de Souza onde ficará à disposição da Justiça Federal. Já o casal foi liberado e vai responder ao processo em liberdade.

A PF dá dicas de segurança para evitar o recebimento de notas falsas:

 

1. CONHEÇA BEM A NOTA VERDADEIRA: Geralmente pessoas que lidam diariamente com dinheiro, como os caixas de banco e comerciantes, sabem facilmente identificar uma nota falsa – essa experiência em manusear diariamente o dinheiro verdadeiro faz com que eles se tornem especialistas em identificar notas falsas.

2.COMERCIANTE: NÃO TENHA PRESSA NO ATENDIMENTO: Geralmente essas notas são passadas em locais de grande concentração de pessoas, feiras, lojas, supermercados, comércio ambulante, e muitas vezes a pressa do comerciante para atender um maior número de clientes faz com que ele não tome o devido cuidado em verificar a nota que está recebendo. 

3-VERIFIQUE SE AS NUMERAÇÕES DAS NOTAS NÃO SÃO IGUAIS: Ao receber duas notas de igual valor verifique se as numerações não são iguais, os falsários não costumam fazer notas falsas com numeração diferente porque isso acarreta em custos com impressão por ter que mudar a matriz da impressão.

4. OBSERVE A TEXTURA DA NOTA: Outra cautela que pode ser tomada é reparar na textura do papel das notas que estão sendo recebidas, as notas falsas tendem a ser lisas, enquanto as notas verdadeiras são ásperas e possuem um alto relevo e saliência nos itens de segurança que pode ser percebido pelo tato. Sinta com os dedos o papel e a impressão.

5. OBSERVE A IMPRESSÃO DA NOTA: Nas cédulas legítimas, as tonalidades de cores são firmes – as notas falsas têm cores com pouca nitidez e costuma haver borramento das cores.

6. VERIFIQUE A MARCA DÁGUA COLOCANDO A NOTA CONTRA A LUZ.

7. NO CASO DE DÚVIDA, COMPARE A NOTA SUSPEITA COM UMA NOTA VERDADEIRA.

8. BAIXE O APP GRÁTIS “DINHEIRO BRASILEIRO” NO SEU SMARTPHONE: O aplicativo que foi desenvolvido pelo Banco Central não analisa a autenticidade da cédula, apenas ajuda a identificar, conhecer e onde se encontram os itens de segurança tais como: fio de segurança, quebra-cabeça, microimpressões, marca d’água, número escondido e que muda de cor, alto relevo, elementos fluorescentes.

Tags:
Link: